O Montanha de “GoT” posta foto com namorada; pequena mas seu corpo chama atenção; Veja

Hafthor Julius Bjornsson é um verdadeiro armário, mas com coração. Recentemente, o ator postou foto com sua companheira que parece não ser uma “mulher a sua altura”.

Quando se mede 2,06 metros e pesa 180 kg, encontrar a escolhida de seu coração com as mesmas medidas é quase impossível.

O ator islandês que interpreta Ser Gregor Clegane (conhecido como “Montanha”) em  Game of Thrones está bem ciente disso e investiu em Kelsey Henson, uma bela canadense que tem a metade de seu tamanho.

Foi em um restaurante no Canadá onde era uma garçonete que Kelsey Henson conheceu o gigante, em setembro deste ano. Desde então, a bela morena de 1,57 metros e o colosso não se desgrudaram mais. Eles até viajaram recentemente para a Islândia, onde Hafthor Julius Bjornsson aproveitou para mostrar seu país para sua pequena princesa. E você, acha que eles fazem um lindo casal?

 

 

Veja mais fotos do casal:

 

 

Passageiros da LATAM ameaçam agredir funcionários “tu não é homem”; esposa diz “sua piran…

Clientes da LATAM totalmente alterados, partem para cima de funcionários da empresa.

Ao que tudo indica o passageiro estava reclamando na demora do atendimento por ele ter m cartão Black, e também havia dito que sua esposa estava grávida. Porém, nada justifica essa atitude deles. Qual é a opinião de vocês?

Veja vídeo:

 

Confusão na LATAM:Não sabia que estavam embarcando animais selvagens agora 🤷‍♀️

Posted by Aeroporto Da Depressão on Tuesday, November 20, 2018

Morre aluno agredido em escola estadual tradicional de BH; Vídeo

O jovem Luiz Felipe, de 17 anos, agredido no Instituto de Educação de Minas Gerais, morreu na manhã desta terça-feira (20), no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte. A morte foi confirmada pela Secretaria de Estado de Educação e pela equipe médica.

O suspeito é um colega, Hudson Rangel Gomes Rosa, de 18 anos, que teve a prisão convertida em preventiva. Segundo a escola, ele tem histórico de agressividade. Nesta quarta-feira (14), os jovens jogavam futebol, durante o recreio, quando teria ocorrido um desentendimento entre a turma.

A vítima foi agredida com socos e pontapés, tentou fugir, mas foi perseguida. Imagens do circuito interno da escola registraram a violência. A escola tradicional fica na Região Centro-Sul de Belo Horizonte.

Testemunhas disseram que o adolescente de 17 anos foi atingido de costas com um chute na cabeça. A gravação mostra o momento em que ele é jogado da escada, batendo a cabeça em uma mureta. Hudson aparece nas imagens ajudando a carregar o colega com outros estudantes. Depois, ele se afasta.

Segundo a polícia, a vítima teve traumatismo craniano, com múltiplas fraturas na cabeça e foi submetido a cirurgias.

O socorro foi prestado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Luiz Felipe foi entubado e levado inconsciente para o Hospital de Pronto-Socorro XXIII, onde ficou no Centro de Terapia Intensiva (CTI).

“Toda a equipe se envolveu e ficou muito sensibilizada. O estado era muito grave desde o início”, disse o médico Marcelo Lopes, diretor assistencial da Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig).

Segundo Valdênia Evangelista, tia e responsável por Luiz Felipe, o velório será em Minas Novas e o enterro será em Turmalina, no Vale do Jequitinhonha. O corpo ainda não foi liberado. Emocionada, ela falou sobre a perda do jovem.

“Meu menino morreu às 6h15. Se sobrevivesse ficaria vegetando. A Justiça deve ser feita. Mas isso é o que menos importa. Queríamos mesmo o Luiz aqui”, disse.

Procurada pela reportagem no dia 15, a família de Hudson não quis gravar entrevista. Por telefone, o irmão dele disse que ele estava jogando bola na quadra e o “menino” ficava dando pancadas de leve em Hudson.

“Ele foi invocado e foi tirar satisfação com o menino. Os meninos começaram a brigar, os dois. Aí, ele foi descendo para a sala de aula e o menino continuou falando. Ele pegou e chutou, mas não chutou com intenção de provocar o que ele provocou”, disse o irmão.

Histórico de agressividade

O estudante de 18 anos que foi preso tem histórico de comportamento agressivo, segundo a diretora do Instituto de Educação de Minas Gerais, em Belo Horizonte.

“Foram várias, muitas. Mais de 30. Agressões, comportamentos indesejados com colegas, falas, matando aula dentro de escola, né, e a gente buscando”, disse Alexandra Aparecida Morais, diretora do IEMG, sobre o histórico do suspeito, Hudson Rangel Gomes Rosa, de 18 anos.

Um registro da escola relata que Hudson “não tem compromissos com os estudos e é agressivo com as professoras”. Em outro relato, uma aluna reclama que foi agredida várias vezes pelo jovem.

O estudante ferido nunca se envolveu em brigas, de acordo com a direção do instituto.

VÍDEO:

Caso Daniel: assassino grava vídeo de dentro da cadeia e resolve falar sobre agressão; assista

O assassino confesso do jogador Daniel Corrêa, Edison Brittes gravou um vídeo nesta segunda-feira (19) de dentro do Centro de Triagem 1 (CT1), em Curitiba, onde está preso. O vídeo foi divulgado pela equipe do advogado Claudio Dalledone Junior, que defende Brittes.

Boatos de que ele estava sofrendo agressão dentro da cadeia circularam pelas redes sociais durante o final de semana passado, o que já havia sido desmentido pela Polícia Civil e por meio de uma nota publicada por sua defesa.

“O advogado Cláudio Dalledone Júnior lamenta que tal informação tenha sido vinculada de forma precipitada na mídia e restabelece a verdade dos fatos. Edson Brites está detido em caráter temporário no CT1 e não foi vítima de agressão. Recolhido na carceragem, ele cumpre a determinação judicial tendo sua integridade física assegurada. A informação da suposta agressão na madrugada deste dia 15 não passa de mais uma fakenews entre tanta já divulgadas ao lindo da investigação sobre a morte do jogador Daniel”, afirma a defesa em nota.


“Quero deixar bem claro para todo mundo que está vendo esse vídeo que estou bem, não sofri nenhum tipo de ameaça ou agressão”,
 afirmou Brittes, no vídeo divulgado por sua defesa. O vídeo teria sido gravado durante o horário de visita, após autorização do delegado de plantão.

 

 

Ele deixa sua namorada dormir com outros homens mas ele precisa se manter fiel a ela

Um caso envolvendo “infidelidade” consentida está chamando atenção em tabloides britânicos.

 

Em 2014, Adam Gillet, de 27 anos, conheceu em um pub Beatrice Gibbs, de 22. Acabaram dormindo juntos, mas o namoro só decolou mesmo em abril do ano seguinte, após Adam vencer a resistência de Beatrice.

A inglesa não queria compromisso e desejava curtir a vida como solteira. Adam lutou por ela e finalmente a convenceu a formalizar o namoro, com uma condição imposta por Beatrice: ela poderia levar outros homens para a cama; ele, não.

Adam aceitou e se mantém fiel até hoje.

“É uma situação perfeita. Eu tenho um namorado, mas também posso me divertir com outros homens”, disse a moradora de Milton Keynes (Inglaterra), de acordo com o “Sun”.

“Eu amo o Adam, mas não queria me comprometer com apenas um homem”, acrescentou ela.

Por sua vez, Adam garante que não tem interesse em outras mulheres. Mas saber que a amada está com outros homens o incomoda. Pelo amor, entretanto, ele decidiu abafar o sentimento negativo.

“Eu me acostumei. É a melhor forma de manter o namoro”, afirmou ele.

 

 

Maisa Silva sofre assédi0 ao publicar foto de biquíni cavado no Limite; Foto

A apresentadora Maísa Silva provou mais uma vez que é uma pessoa empoderada e que não leva desaforo para casa. Ela apareceu em uma foto rara usando biquíni, nesse sábado (17/11), ganhou vários elogios, mas um comentário em particular a deixou irritada e ela deu a merecida resposta.
 
“Bracinho cruzado e carinha de meiga porque eu estava um nojo pegando esse sol. Praia com as amigas é tudo que eu precisava”, escreveu na legenda a atriz de 16 anos.

No entanto, um jovem de 19 anos acabou passando dos limites e assediando Maísa Silva. “A cadeia não deve ser tão ruim assim”, escreveu ele, referindo-se à pena por pedofilia.A atriz respondeu imediatamente e fez questão de expor o seguidor em seu Twitter. “Tomara que você apodreça lá. Nojento”, disparou Maísa Silva. “Esses tipos de comentários não são tolerados”, completou ela.

Outros fãs também concordaram e deram apoio à Maísa. “Você não tem vergonha de fazer um comentário nojento desses na foto de uma menina? Você não tem família, mãe, irmã, filhas e netas?”, criticou uma seguidora.

Veja a foto publicada no instagram oficial dela>>>

Marido esfaqueia mulher após olhar mensagens no celular dela …

 

Uma mulher foi esfaqueada e amarrada pelo marido nesse domingo (18) na casa deles em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. Segundo a Polícia Civil, Hugleice da Silva, de 35 anos, esfaqueou a mulher dele, Mayara Bianca Barbosa Rodrigues, de 29 anos, depois que olhou mensagens no celular dela.

Segundo o G1 Mato Grosso, o advogado dele disse que o cliente deve se apresentar à polícia nos próximos dias.

Mayara sobreviveu e foi encaminhada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Regional de Rondonópolis. O marido dela é procurado, mas não foi encontrado até esta segunda-feira (19).

De acordo com a Polícia Civil, Hugleice não teria gostado das mensagens que encontrou no celular da mulher e passou a agredi-la. Mayara foi esfaqueada em várias partes do corpo. Depois, o marido ainda a amarrou e cortou o pescoço dela.

Hugleice deixou ela em casa, fugiu em um carro, modelo Pálio, e não foi mais encontrado.

Ainda conforme a Polícia Civil, Mayara conseguiu se soltar, foi até a entrada da residência e gritou por socorro. Ela foi socorrida pelo Samu e está internada em estado grave.

O marido, ao fugir, levou o celular da vítima. Familiares da vítima disseram que Hugleice ainda mandou mensagens os ameaçando.

O caso será investigado pela Delegacia da Mulher de Rondonópolis.

 

 

Repórter da Globo é vítima de assédi0 em jogo do Corinthians, e vídeo mostra ‘mão boba’

A repórter Fabíola Andrade, da Rede Globo, desabafou que está arrasada. No último sábado (17), ela fazia as reportagens do jogo entre Corinthians e Vasco, na Arena Corinthians, quando foi tocada por um homem, que vestia os coletes destinados à imprensa. Provavelmente, o profissional é da mesma emissora que a repórter.

Em vídeo que circula nas redes sociais, o homem aparece tocando em Fabíola Andrade, enquanto ela tentava entrevistar o lateral Fagner. O vídeo repercutiu bastante, e Fabíola revelou a um seguidor, no Instagram, que estava arrasada com a situação.

Sou eu. A Globo vai apurar. Estou arrasada. Obrigado por avisar“, afirmou. A Rede Globo informou ao site Notícias da TV que está apurando o caso e quer identificar quem é o homem que aparece assediando a repórter.

VÍDEO>>>

O caso aconteceu no final da partida, quando houve confusão entre o lateral Fagner, do Corinthians, e alguns jogadores do Vasco. Fabíola Andrade queria entender o que estava acontecendo para reportar aos telespectadores do canal Premiere, que exibiu o jogo da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro com exclusividade.

 

No vídeo, é possível ver que o homem toca na repórter em duas oportunidades. Nesta segunda-feira (19), após repercussão do caso, o Corinthians emitiu uma nota em solidariedade à profissional.

“O Sport Club Corinthians Paulista se solidariza com a repórter Fabiola Faria Andrade, vítima de assédio por um colega de imprensa durante a confusão no jogo de sábado. O episódio lamentável é prova irrefutável da importância das várias iniciativas do clube”, afirmou o clube.

Atriz grava agressões do marido com câmeras escondidas dentro do quarto; vídeo

A atriz Cristiane Machado, que participou de várias novelas da TV Globo, gravou em vídeo agressões que sofreu do marido, o empresário Sergio Schiller Thompson-Flores, em agosto em sua casa no Rio. Reportagem do Fantástico neste domingo (18) mostra as cenas de violência registradas por câmeras escondidas instaladas pela atriz no quarto onde vivia com o marido.

Os vídeos mostram Sergio Thompson-Flores empurrando, batendo e tentando enforcar Cristiane no dia 31 de outubro. Gravações de celular mostram também ameaças feitas pelo empresário contra a atriz e sua família.

Ela afirma que teme ser morta e denunciou o marido à polícia.

O Fantástico recebeu uma liminar que impede a divulgação de informações sobre o inquérito que foi aberto após a denúncia de Cristiane.

Em nota, os advogados de Sergio Thompson-Flores negam que as agressões tenham ocorrido e consideram ilegal o mandado de prisão por descumprimento de medida protetiva, afirmando que durante setembro e outubro o casal conviveu em harmonia. Dizem ainda que as acusações são motivadas por interesse financeiro. Sobre as imagens, alegam que foram editadas por Cristiane e que representam uma reação a uma ação anterior que teria sido praticada por ela.

 

Veja o Vídeo: