Profecia da volta de Cristo se realiza, Mar Morto está voltando à vida

O Mar Morto, como é conhecido, é dez vezes mais salgado que o oceano. Até pouco tempo atrás, os cientistas afirmavam que não havia possibilidades de haver vida dentro do mar ou em suas margens, devido o ambiente ser hipersalino.

A ciência comprovou há pouco tempo que, no fundo do Mar Morto, existia algum tipo de vida; e alguma condição rara fez com que começassem a aparecer, nas margens do mar, sinais de vida. Esse fenômeno seria praticamente impossível, segundo as leis da natureza. Mas, assim como na profecia apocalíptica do prenúncio da vinda do Messias, o “impossível” pode estar acontecendo.

Jovem judia vê peixes às margens do mar

Enquanto fazia uma caminhada às margens do mar, uma ovem mulher judia, moradora de Jerusalém, chocou-se com o que viu. Samantha Siegel observou que existiam lagoas de água doce com peixes nadando tranquilamente. Segundo a jovem, era uma profecia que se cumpria diante de seus olhos e que contrariavam as leis da natureza.

O Mar Morto se encontra a mais de 400 metros abaixo do nível do mar, ele é o ponto mais baixo em terra seca. Em suas margens, existe um revestimento de espessuras densas de sal e suas águas são ultra salgadas. É impossível haver vida em seu interior.

Cientista comprovam que, no fundo mar, está surgindo água doce

Ter água boa no Mar Morto é um grande exemplo de que os profetas tiveram a capacidade de ver coisas que ficaram escondidas por milhares de anos e agora são reveladas. Uma equipe de pesquisadores de uma universidade se aventurou em um mergulho nesse mar em 2011. Devido a quantidade de sal, vários equipamentos foram danificados, mas o que eles descobriram valeu a pena.

Foram descobertas enormes crateras no fundo do mar, de 15 e a 20 metros, e dessas crateras fluía água adequada à vida. Isso só aumenta a intensidade de cumprimento da profecia. Ela já está no local apenas esperando para se realizar por completo.